Prefeitura distribui 1.400 cestas básicas aos afetados pela pandemia


De: Secretaria de Assistência Social
Texto: Érico Miranda| Foto: Divulgação
Criado: 25 de junho de 2020

A Prefeitura de Vila Velha intensificou o atendimento social em todas as regiões do município, em consequência da pandemia do novo coronavírus. Neste trabalho essencial à população em maior vulnerabilidade, 1.403 famílias estão aptas a receber cestas básicas. 
 
Por meio de centrais telefônicas, desde março, a Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) atende ao público. Até 18 de junho, a Semas registrou 4.431 ligações no Plantão dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) da cidade: Jabaeté, Morada da Barra, Ilha das Flores, Alvorada, Jardim Asteca e Centro. Também foram computadas 2.628 solicitações para diferentes serviços prestados pela Semas, além da requisição de cestas básicas. 
 
"Intensificamos em diversas frentes o atendimento à população. É um momento de crise, devido à pandemia. As equipes da Semas estão atentas às demandas em todas as cinco regiões de Vila Velha", afirma a secretária municipal de Assistência Social, Ana Cláudia Simões. 
 
Em consonância às determinações das autoridades de Saúde, o atendimento das Unidades da Semas é realizado após agendamento telefônico prévio, com dia e horário marcados, de forma individualizada, para evitar aglomerações. 
 
Saiba quais são os telefones do Plantão do Cras na pandemia do novo Coronavírus:
 
- Informações sobre cestas básicas, auxílio funeral e auxílio emergencial de R$ 600,00 do Governo Federal ligue: 3388-4155 ou 3139-9347;
- Informações sobre Bolsa Família e CadÚnico ligue: 3388-4154 ou 3388-4160;
- Horário de atendimento: 8 às 17 horas (após às 17h, o auxílio funeral prossegue o atendimento no telefone 99717-0868);
- Dias de atendimento: das segundas às sextas-feiras (úteis).


SERVIÇOS PARA


ACESSO RÁPIDO