Prefeito sanciona Política Municipal de Educação Ambiental


De: Secretaria de Meio Ambiente
Texto: Rovena Cruz| Foto: Felix Falcao
Criado: 21 de fevereiro de 2020

A Política Municipal de Educação Ambiental, elaborada pela Prefeitura de Vila Velha, sancionou, na manhã desta quinta-feira (20), pelo prefeito Max Filho. A lei apresenta uma direção para as várias políticas relacionadas à valorização de projetos de Educação Ambiental, envolvendo todas as regiões do município, a educação formal e organizações não-governamentais.
 
A política aprovada também cria um conselho interinstitucional que garantirá a participação de diferentes lideranças da área, promovendo o diálogo entre os interessados e ampliando os resultados. Foram 20 meses de trabalho, consultas aos conselhos municipais de Educação e de Meio Ambiente, além da participação da sociedade por meio do portal oficial na internet. O documento foi elaborado com apoio da sociedade e do Ministério Público Estadual e sancionado, após aprovação da Câmara de Vereadores, em selenidade no Auditório da PMVV.
 
“Quero passar ao secretário de Meio Ambiente a lei devidamente sancionada. Estamos fazendo esforços em Vila Velha, que tem se tornado referência em logística reversa. Nós concentramos todo vidro e é 100% reciclado. Temos crescido muito na nossa coleta seletiva. Vila Velha possui recursos ambientais únicos e temos que preservar e conservar essa riqueza que é nossa. Então, os desafios são grandes, mais temos obtido vitórias importantes” explicou o prefeito.
 
O secretário municipal de Meio Ambiente, José Vicente de Sá Pimentel, falou que a sansão dessa lei e de extrema importância para Vila Velha. "Uma cidade que a conformação geomorfológico faz com que seja necessário, saber quais as áreas de melhor ocupação e de maior risco, ou seja, o desenvolvimento econômico e o bem estar social estão ligados ao conhecimento e ao comprometimento com a preservação do meio ambiente". 
 
E concluiu. “Parabéns ao prefeito e a todos que participaram. Temos a câmara que merece. Elogio também toda a sociedade civil que participou amplamente, além da Secretaria Municipal de Meio Ambiente”.


SERVIÇOS PARA


ACESSO RÁPIDO