Mais de 12 mil escolheram os novos conselheiros tutelares de Vila Velha


De: Secretaria de Assistência Social
Texto: Érico Miranda| Foto: Divulgação
Criado: 07 de outubro de 2019

A democracia foi exercida de forma plena neste domingo (6) em Vila Velha. Milhares de eleitores (12.032) escolheram 25 conselheiros tutelares que atuarão no quadriênio 2020/2023, em cada uma das cinco regiões do município.

Setenta e cinco servidores do município foram mobilizados para o pleito, que contou com técnicos das secretaria municipais de Assistência Social (Semas), de Educação (Semed) e de agentes da Guarda. Eles atuaram na fiscalização do pleito e como mesários em cinco escolas da Prefeitura de Vila Velha.

Em Vila Velha, foram 51 candidatos. A Região 5 foi a que contou com o maior número de eleitores: 3.663. Os cinco primeiros colocados no pleito, de cada região, foram eleitos e tomam posse, já iniciando os trabalhos na função a partir do dia 10 de janeiro de 2020.

As eleições foram realizadas de acordo com as determinações do Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MP-ES) e foram promovidas pelo Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente de Vila Velha (COMCAVV).
 
As informações sobre as eleições dos membros dos cinco conselhos tutelares de Vila Velha podem ser obtidas no Palácio dos Conselhos, localizado na Avenida Luciano das Neves, 460, no Centro, ou no telefone 3388-4272.

Confira AQUI os nomes dos candidatos eleitos e os números da votação deste domingo (6).
 
Proteção às crianças e adolescentes
 
Com base no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), o Conselho Tutelar é um órgão autônomo e permanente, eleito pela população para zelar pelos direitos e proteção das crianças e dos adolescentes.
 
É o Artigo 136 do ECA (Lei Federal nº 8.069/1990) que dispõe sobre as atribuições do Conselho Tutelar. Os conselheiros tutelares trata de crianças e adolescentes em situação de risco e trabalham para proporcionar a melhor medida de proteção para cada caso. 


SERVIÇOS PARA


ACESSO RÁPIDO