Fiscalização interdita estabelecimentos irregulares de materiais recicláveis


De: Secretaria de Defesa Social e trânsito
Texto: Vandique Magalhães| Foto: divulgação
Criado: 14 de dezembro de 2018

Integrantes da Comissão Interna de Fiscalização Integrada (Coifin) de Vila Velha interditaram, na manhã desta quinta-feira (13), dois estabelecimentos comerciais de produtos recicláveis no bairro Divino Espirito Santo por irregularidades no funcionamento. Os fiscais lavraram dois autos de infração e de interdição pela ausência do alvará de funcionamento, além de notificações ambientais e sanitárias.

A equipe de fiscalização já havia notificado os estabelecimentos no dia 21 de novembro para a regularização do funcionamento, ocasião em que também foi interditada a Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis (Ascavila), pelo descumprimento da notificação aplicada em 23 de julho.

“A ação de fiscalização no local é parte de um plano para manter o bairro limpo e organizado”, destacou a secretária municipal de Serviços Urbanos, Marizete de Oliveira Silva. “O ordenamento da cidade ajuda na proteção e segurança do cidadão que mora na região”, avaliou o secretário de Defesa Social e Trânsito, Oberacy Emmerich Jr.

A Coifin integra fiscais de Posturas, Meio Ambiente, Obras e Vigilância Sanitária, além de servidores da Secretaria de Finanças e Ouvidoria, que durante as ações contam com apoio da Guarda Municipal.


SERVIÇOS PARA


ACESSO RÁPIDO