Festival musical reúne mais de 15 mil pessoas no encerramento

De: Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer
Texto: Vandique Magalhães| Foto: Pedro Lodi
Criado: 15 de abril de 2018

A voz marcante e harmoniosa da cantora nova-iorquina Alma Thomas deu o tom das apresentações da noite de sábado (14), com uma levada blues meio jazzística que marcou o encerramento do Vila Velha Jazz & Blues Festival, , no Parque da Prainha. Mais de 15 mil pessoas acompanharam as apresentações, que também contaram com os grupos capixabas “Léo Vaccari and The Bluezones” e o trio feminino “Jazz & Bossa com Elas”.

Com quase uma hora e meia de show, Alma Thomas começou com a música “Felling Good”, de Michael Bublé. Depois envolveu o público com os clássicos do blues, como “Tenderly” de Sarah Vaughan, e “Heard It Through The Grapevine”, de Marvin Gaye, com uma pegada da soul music. A apresentação da americana contou com músicas autorais e teve a participação do trompetista carioca radicado no Estado, Bruno Santos.

O prefeito Max Filho, prestigiou o evento e acompanhou as apresentações artísticas: “Sem dúvida é um evento de qualidade que proporcionamos ao povo capixaba pelo segundo ano consecutivo”, disse. O Vila Velha Jazz & Blues Festival é uma promoção da Prefeitura de Vila Velha em parceria com a TV Gazeta e Instituo Colibri.

“Eu queria animar as pessoas, mantendo esse viés do jazz com a improvisação vocal. Por isso montei um repertorio mais dançante para as pessoas se divertirem”, contou Alma Thomas, que voltou ao Estado depois de doze anos.  E continuou: “Fiquei impressionada com a recepção que tive aqui em Vila Velha”, disse. “Fantástico. Eu vim aqui só pra ver ela”, reagiu o instrutor de voo livre, Tadeu Bersolot, 55 anos, em meio à multidão que acompanhava o show. “O evento é de alta qualidade”, arrematou.

No encerramento do festival, “Léo Vaccari and The Bluezones” apresentou um repertório de blues com músicas de Stevie Ray Vaughan, Eric Clapton e Jimi Hendrix. A cantora capixaba Dona Fran também participou do show trazendo a influência do rock'n'roll ao cantar músicas de Etta James, Janis Joplin e Aretha Franklin. Além do blues, a MPB com canções da Bossa Nova foi contemplada nas vozes do trio feminino “Jazz & Bossa com Elas”, que abriu as apresentações artísticas no palco cultural.


SERVIÇOS PARA


ACESSO RÁPIDO