Diálogos sobre a Base Nacional Comum Curricular

De: Secretaria de Educação
Texto: Peggy Maressa/Alvarito Mendes Filho| Foto: Divulgação
Criado: 13 de março de 2018

Na próxima sexta-feira (16), acontece, no auditório do Centro de Capacitação e Complementação (Titanic), no Centro, a palestra “Panoramas da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e seu impacto no currículo e nas práticas pedagógicas da Educação Básica: Educação Infantil e Ensino Fundamental”, com a Profa. Dra. Suzany Goulart, da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes).

O evento faz parte da agenda de discussão da Base Nacional Comum Curricular que a Secretaria Municipal de Educação (Semed) está realizando até novembro de 2018, e neste episódio contará com a participação de diretores de escola, pedagogos e técnicos da Semed.

As reflexões e os debates prosseguem até novembro deste ano, mês em que estados e municípios deverão apresentar a versão final com as novas diretrizes do currículo.

"O Documento Referência da Base Nacional Comum Curricular tem por objetivo permitir que cada município dialogue com seu conteúdo e permita a construção de seu currículo, norteado pelas 10 competências apresentadas”, explica o secretário municipal de Educação, Roberto Beling.

Segundo o secretário, “esta é uma oportunidade que foi dada ao município para rever os conteúdos curriculares de suas escolas e de construir propostas que possam, de fato, agregar novos conceitos e valores para a qualidade social da educação e para a formação integral do sujeito, com cidadania e direitos plenos”.
 
Mobilização nacional
 
Base Nacional Comum Curricular é um documento do governo federal e válido, portanto, para todo o país. O Ministério da Educação (MEC), o Conselho Nacional de Educação e a União Nacional de Dirigentes Municipais de Educação (Undime) instituíram o 06 de março como o “Dia D” de mobilização nacional para, em parceria com os estados e os municípios, iniciar a divulgação do BNCC e as discussões sobre as diretrizes nele contidas.

Nesse dia, em Vila Velha, foi realizado um evento no auditório do Titanic, com a participação de técnicos da Semed e membros da Comissão de Organização que fizeram o início da discussão do Documento Referência da BNCC.

Na ocasião, foram apresentadas as dez competências que servem de referência para as discussões que acontecem em todo o país e que devem nortear a estruturação das propostas curriculares.

A presidente do Conselho Municipal de Educação (CME), Tatiane Sperandio Molini, explicou que o “Dia D” deu início ao processo de um diálogo que se estenderá até o final do ano. “Esse é o momento de construirmos a educação que queremos para Vila Velha”.

Serviço

Evento: Palestra “Implementação da base nos municípios e o início da discussão do BNCC em Vila Velha”
Data: 16 de março (sexta-feira)
Horário: 14 horas
Local: Auditório do Centro de Capacitação e Complementação (Titanic), na Praça Duque de Caxias, Centro


SERVIÇOS PARA


ACESSO RÁPIDO