População recebe informações sobre como evitar a dengue

De: Secretaria de Saúde
Texto: Marcelo Martins| Foto: Pedro Lodi
Criado: 08 de janeiro de 2018

O primeiro dia da campanha “Verão sem dengue”, neste sábado (06), foi considerado um sucesso pela receptividade de adesão de moradores e turistas no combate ao mosquito Aedes aegipty - principal transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus.

Equipes da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) distribuíram mais de mil panfletos aos freqüentadores da Curva da Sereia, na Praia da Costa, com dicas para prevenir a proliferação do mosquito em casas e condomínios, onde ocorrem 80% dos casos de infestação.

A aposentada Rosiane Queiroz fez questão de levar panfletos com o alerta “10 medidas salvam vidas” para distribuir entre seus vizinhos. “Vou colar no meu condomínio, porque há moradores que largam objetos muito à vontade propiciando a formação de criadouros”, comentou.

Além das praias, a campanha será realizada também nos terminais rodoviários e supermercado até fevereiro com panfletagem, pedágio em sinais de trânsito, exposição científica e teatro livre.

Cuidados

A coordenadora do “Verão sem dengue”, técnica em educação e saúde da Semsa, Renilda Teodoro, chamou a atenção para que a população cuide da limpeza também de reservatórios de água dos animais de estimação como gatos, cães e pássaros. Outra preocupação é com a incidência de conchas de caramujo africano em quintais. “Não basta apenas incinerar a concha. É preciso quebrá-la antes de depositar no lixo, pois servem como depósito de água”, observa.

Quando o foco do mosquito é detectado e não pode ser eliminado pelos moradores, como em terrenos baldios ou lixo acumulado na rua, a Semsa deve ser acionada para remover os possíveis criadouros.

Serviço

Vigilância Ambiental de Vila Velha
Telefone: (27) 3388-4300, 4171 (disque-dengue)
Ouvidoria Municipal: 162


SERVIÇOS PARA